• Futebol em Rede

Oportunidade perdida


Oportunidade perdida pelo Internacional na abertura da Libertadores. O empate sem gols, foi apenas o básico diante de um adversário que jogava em casa, recheado de nomes experientes e sem pressão de torcida. O técnico argentino Eduardo Coudet ( Foto – Divulgação ), até mexeu certo na equipe, mas não conseguiu explorar a vantagem de um homem a mais em campo. Montillo foi expulso no segundo tempo.


O empate não foi um resultado ruim, mas arriscado. Obriga o Inter a não cometer erros em Porto Alegre. Chamou a atenção que, as principais chances de gol da equipe brasileira, surgiram com Edenílson. Guerrero jogou muito isolado o tempo todo. Era esperado um jogo equilibrado. Nessa situação, em jogos eliminatórios, não pode desperdiçar qualquer vantagem dada pelo adversário.


O jogo da volta promete ser mais disputado que o primeiro jogo. A Universidad de Chile vai tentar o contra-ataque diante de um Internacional incentivado por sua torcida para ser mais ofensivo. O empate no Chile é perigoso. Um gol dos chilenos em Porto Alegre, deve transformar em pânico o plano do Internacional para o confronto. Coudet ao ser conservador perdeu uma grande chance de matar o confronto.