• Futebol Alternativo

SOBRE BRUNO NO FUTEBOL DO ACRE

Para os que não estão atualizados nas últimas notícias o Rio Branco, do Acre, anunciou a contratação do Goleiro Bruno ex-Flamengo. Aquele mesmo condenado pelo assassinato de Elisa Samudio.


Segundo Apuramos, o jogador foi oferecido ao Estrelão por uma empresa Carioca que cuida da carreira de alguns atletas. Eles estão montando elenco para a disputa da terceira divisão do Rio de Janeiro e escolheram o Rio Branco e o campeonato Acreano para testar jogadores, entre eles Bruno que já está há 10 anos sem entrar em campo profissionalmente.


A empresa cede jogadores para o campeonato estadual e ainda ajuda o time financeiramente, com a condição de ter Bruno no elenco. Vale lembrar que o Rio Branco vive uma de suas maiores crises financeiras e quase desistiu da Série D, sendo ameaçado de Punição pela CBF. Por conta disso o Clube aceitou contar com o ex-goleiro campeão Brasileiro e toda bagagem que lhe acompanha.


Vale a pena contar com Bruno no elenco? Logo de cara, uma série de problemas bateram na porta, manifesto de grupos feministas, treinadora e atletas do time feminino abandonaram o clube, perda do patrocinador que ajudava nas categorias de base e muita exposição negativa na mídia.


Acontece que exposição negativa queiram ou não ainda é exposição, nunca o Rio Branco e o futebol acreano foi tão falado. É o famoso falem mal de mim, mas falem de mim. E se a diretoria for esperta pode se aproveitar disso. A imprensa do País inteiro estará na estreia do jogador, e o clube conquista um espaço que nunca teve. Para bagunçar mais a cabeça de quem é contra, em pesquisa na imprensa local 60% dos torcedores time acham positiva a contratação.


Dentro de campo, O Rio Branco sofre com goleiro já faz tempo e Bruno pode render alguma segurança a defesa. Me parece ser como andar de bicicleta, acredito que ele não se esqueceu como joga, resta saber fisicamente como ele está. Já está com 35 anos. No primeiro treino, foi destaque do rachão e até gol de falta marcou.


A estreia com a camisa do Alvirrubro deve ser no retorno do estadual, paralisado desde o dia 17 de março por causa da pandemia do novo coronavírus. A expectativa da Federação de Futebol do Acre (FFAC) é que a realização de jogos seja liberada a partir da segunda quinzena de agosto.