• Futebol Alternativo

Supremacia Paraense na Copa Verde

Desde que foi criada em 2014, a Copa Verde apresenta um até certo ponto esperado largo e claro domínio do futebol Paraense. Em todas edições da competição pelo menos um time do estado foi finalista e esteve no pódio entre os três primeiros.


Paysandu e Remo se enfrentaram quatro vezes nas semifinais. Nas três primeiras edições do torneio, o Papão levou a melhor duas vezes contra os rivais e perdeu a outra. Na semana passada tivemos mais uma edição do confronto e o bicolor confirmou sua hegemonia no clássico, ao garantir mais uma classificação à decisão do regional. Venceu o jogo de volta por 3x1, depois de um decepcionante 0x0 na ida.


O Paysandu confirma um domínio impressionante na Copa Verde. Esta será a quinta vez que o clube disputa a final do torneio. Sua única ausência foi exatamente em 2015, quando caiu para o Remo na semifinal . Nas decisões anteriores, o Papão venceu Gama (2016) e Atlético de Itapemirim (2018), enquanto perdeu para Brasília (2014) e Luverdense (2017). O tira-teima acontecerá contra Goiás ou Cuiabá, que fazem o jogo de volta da outra semifinal em 23 de outubro. Os esmeraldinos venceram a ida por 1 a 0.


Como comentei o domínio é esperado, já que o Papão e Remo historicamente sempre foram os principais times do Norte do País, fora alguns lampejos de times amazonenses como Nacional e São Raimundo os dois gigantes de Belém sempre estiveram bem na frente. Na antiga Copa Norte, competição da região que tinha o mesmo formato da atual Copa verde , em 5 edições a dupla paraense foi semifinalista em 3 e o papão foi campeão em 2002. O maior campeão da Copa Norte é o são Raimundo.


Agora é esperar a conclusão da edição 2019, sem dúvida o Goiás é um competidor a altura para o papão, mas primeiro precisa confirmar a classificação contra o Cuiabá. Copa verde ainda promete emoções fortes.