• Futebol Alternativo

Série D já tem 3 times garantidos no mata-mata

A série D caminha para o fim da primeira fase com muito Equilíbrio. Faltando três rodadas para acabar, apenas três equipes das 64 conquistaram vaga no mata mata até o momento. Neste fim de semana, mais seis equipes podem garantir, com três rodadas de antecedência.


Castanhal, ABC e Ferroviária são as equipes que já estão garantidas na fase eliminatória e jogam o reto da primeira fase apenas para garantir a primeira colocação em seus respectivos grupos.


O Japiim paraense voa na competição com a melhor campanha entre os 64 clubes da disputa e domina amplamente o grupo 1 do Campeonato, coroando um belo ano que começou com a equipe jogando as semifinais do Estadual. O ABC colhe os frutos da ótima campanha da copa do Brasil e a boa grana que entrou na conta do clube, montou um time forte e te melhor ataque do Campeonato com 25 gols. A Ferroviária confirma o favoritismo que tem desde o início da competição e bate marcas no grupo 6, a AFE não é vazada há nove partidas, um recorde para o clube e também para todos os participantes de competições nacionais na atual temporada do futebol brasileiro. São 837 minutos da equipe sem sofrer gols.


A próxima rodada pode garantir mais seis equipes na fase mata-mata. São Raimundo, Guarany de Sobral, Juazeirense, Aparecidense, Cascavel e Joinville. Entre estes destaque para Aparecidense que repete a boa campanha do ano passado e para as duas equipes da região sul do país, ainda invictas na quarta divisão.


Por outro lado, outras 11 equipes — Atlético Acreano, Tocantinópolis, ASA, Murici, Gama, Porto Velho, Jaraguá, Águia Negra-MS, Rio Branco/ES, Patrocinense e Rio Branco/PR correm o risco de eliminação, de forma precoce, nesta 11ª rodada.


Estamos de olho, a série D está equilibradíssima e muita zebra vai vir por ai ainda. O fato é que o fim de semana reserva emoções para torcedores de vários times. Para alguns, o sonho do acesso à Serie C de 2022 seguirá vivo. Já para outros, as últimas rodadas da 4ª divisão nacional terão um ar mais melancólico.