• Futebol em Rede

Polêmica e vitória do Flamengo


Polêmica e vitória do Flamengo em Porto Alegre. O que decidiu o magro placar, 1 a zero, foi um pênalti marcado pelo árbitro Raphael Claus ( Foto – Divulgação ). No lance, a bola bate no braço de Léo Moura do Grêmio. O VAR não socorre em caso de interpretação errada. Era braço de apoio, não houve vantagem clara em interceptar a bola. O pênalti não deveria ser marcado, mas não anula a justiça do placar.


O Flamengo, mesmo sem vários titulares, foi melhor do que o Grêmio. Criou mais chances e esteve mais perto do gol. O pênalti contestável, impôs o resultado. Cria uma polêmica sobre a partida e beneficia o Flamengo na disputa do título. O rubro-negro pode ser campeão até sem jogar na próxima rodada. Basta em empate do Palmeiras diante do mesmo Grêmio e o caneco poderá ser entregue. Gabriel Barbosa foi expulso por reclamação. A diferença dele para Maicon do Grêmio foi o irônico aplauso ao árbitro.


Arrancar os cabelos por causa do erro é exagero. Mais dia, menos dia, o Flamengo será campeão e com méritos. Basta olhar com atenção o jogo e a diferença entre o Flamengo improvisado e o Grêmio completo, é gritante. Enquanto o time carioca busca o gol, tem intensidade, os gaúchos trocam bola sem objetividade e só deram trabalho ao goleiro, no desespero, no segundo tempo. Renato Portaluppi precisou de seis atacantes para assustar o adversário. O Flamengo só contou com Gabriel Barbosa.