• Futebol em Rede

Obrigação é ser vice


Obrigação é ser vice para o Palmeiras. Pelo elenco e pelo investimento, nada justifica outro resultado na reta final do Campeonato Brasileiro. Parece fácil, mas dos cinco jogos restantes, quatro são clássicos. O Santos está só três pontos atrás. Mano Menezes ( Foto – Divulgação ) terá como desafio maior, encarar o Flamengo em casa e encerrar a competição diante do Cruzeiro, ex-clube, em Belo Horizonte.


Para igualar a pontuação do Palmeiras, campeão em 2018, e deixar um clima otimista, será preciso fazer 12 pontos em quinze possíveis. Bem difícil. A equipe tem vários problemas. O ataque não é realizador. Hoje é a terceira força na competição, muito longe do Flamengo e disputando segundo lugar com Grêmio e Santos. Porém, o drama verde está na armação do jogo. Dudu é a esperança. Scarpa e Lucas Lima disputam o troféu de irregularidade na função.


O Palmeiras pode encerrar o ano como melhor defesa da competição, disputa com o São Paulo no setor. Graças ao goleiro Weverton, faz boa temporada. O parceiro de Gustavo Gomez ainda não é o ideal e os laterais não corresponderam. Com tanta instabilidade, Mano Menezes deve apostar suas fichas nos volantes para dar equilíbrio. Nisso o treinador é quase um especialista. Ficar em segundo lugar na competição, não deixa de ser uma ótima campanha. O problema é que a exigente torcida, ficará com gosto de decepção com o resultado.