• Futebol em Rede

Messi e o gol do título na Espanha

Messi fez o gol do título, bicampeonato espanhol, diante do Levante. Foi o suficiente para fechar a conta na competição. Messi ( Foto – si.com ) chega à marca de dez títulos espanhóis pelo Barcelona. Número que corresponde à camisa do extraterrestre argentino, assim, completa uma década de conquistas nacionais pelo clube catalão. Como resultado, a fera encerra com chave de ouro uma temporada espanhola ainda mais consagradora. Pode ser até de outro planeta para os argentinos, acima de tudo, um rei para toda Catalunha.

O jogo diante do Levante foi um bombardeio do Barcelona durante todo o primeiro tempo. Phillipe Coutinho fazia uma bela jornada, acertou a trave do adversário, mas deixou o gramado no intervalo para a entrada de Messi. O gênio recebeu bola na área, driblou o zagueiro e fez o gol do título. Parece que os deuses da bola escreveram o roteiro. O cara foi um monstro ao longo da competição. O treinador, Valverde, resolve preservar o jogador que só entraria em campo alguns minutos para abrilhantar a festa previsível. O jogo ficou duro, o gol não saia e ele encerrou a questão.

O torcedor quer mais. O desafio é conquistar pelo Barcelona mais uma Liga dos Campeões. Certamente, é possível. Messi faz uma temporada inquestionável, esplêndida. Ainda mais, sem a sombra de Cristiano Ronaldo ficou mais visível a genialidade do argentino. Não houve comparação ou aproximação com os feitos dele na temporada. Messi foi soberano do começo ao fim. Como presente dos deuses, assinou o gol do título de bicampeão do Barcelona.

#Barcelona