• Futebol em Rede

GRÊMIO FEZ SUA PARTE


O Grêmio garantiu vaga para as Oitavas de Final da Libertadores ao bater a Universidad Católica, 2 a zero, em Porto Alegre. O time reagiu após um primeiro tempo ruim e mereceu vencer. Pepe ( Foto – Lucas Uebel/GFP ) fez mais um gol importante e o torcedor nem lembra do Cebolinha. Sem perder Grenal, classificado e vai para a última rodada como candidato ao primeiro lugar do grupo. Mesmo longe de ser um time favorito na disputa, o Grêmio fez sua parte.


Renato Portaluppi sabe que não poderá comemorar muito. No final de semana tem Grenal pelo Brasileiro e manter a superioridade no confronto com o rival, terá efeito positivo para o futuro do time. O treinador precisa corrigir a postura da equipe na bola parada defensiva. É o ponto mais crítico do Grêmio. Contra a Católica a estratégia de esperar o adversário no campo de defesa, não rendeu bons resultados. O time cresce quando tem a iniciativa do jogo. Mudou de postura no segundo tempo e acabou o sofrimento no jogo.


O efeito da pandemia e das contusões ainda afetam o crescimento do time. Ter evitado pressão na Libertadores vai ajudar a recompor a estrutura da equipe. O forte do esquema de Rebato Portaluppi é o passe e o controle do jogo no meio campo. O ideal ainda está distante, mas com as voltas de jogadores experientes, há chance de melhora. O que ainda não deu sinais de evolução é o ataque. O treinador não encontrou um homem de área, participativo e finalizador. Desde os tempos de Jael. Esse o ponto mais difícil para fazer do Grêmio, um postulante do título na Libertadores.