• Futebol em Rede

Futebol brasileiro chora pelos meninos mortos e pelos meninos sem futuro

É terrível demais perder vidas e sonhos tão jovem. Os garotos que morreram no CT do Flamengo tem que ser venerados. Poderia aqui tragediar a tragédia pedindo penas e prisões para os possíveis culpados pelo acidente ou pelo desmazelo com que se cuida desses meninos, mas acho que a hora não é essa. É de se lamentar e depois ir em busca do esclarecimento do que realmente aconteceu. Ao mesmo tempo que choramos pelos garotos mortos também lamentamos pelo futuro do futebol brasileiro ao ver a pífia campanha da Seleção Sub-20, no Chile. É assustador o que se apresenta. Culpa de quem? Dos treinadores, dos clubes, da CBF? De quem? São perguntas demais e respostas de menos.

O problema vem de tempos e só está piorando. A Dona CBF se arvora no direito de formação de atletas quando quem faz isso são os treinadores dos clubes, esses sim os grandes formadores. Há um conluio que só atrapalha. Via de regra os técnicos da base da CBF são muito fracos, são escolhidos politicamente. A capacidade é discutível. É tudo centralizado no Rio de Janeiro, onde o futebol cá entre nós vem capengando há algum tempo, mas sempre revelou e se buscou em outros centros bons jogadores.

Com o dinheiro que tem a CBF devia investir mais em Campeonatos de base envolvendo todo o país, mas ela não faz isso. Por isso a Copa São Paulo, que virou Copinha e já foi muito melhor do que é hoje, ainda é aquela que mais chama a atenção. O custo de formação é muito alto e agora que os europeus compram os jogadores já na muda, nossas fileiras de baixo se esvaziam mais cedo ainda.

É só olhar o campeão da Copa São Paulo, o São Paulo. Vários jogadores que nunca atuaram na equipe principal já estão sendo negociados com o futebol europeu. Esses vão perder a identidade brasileira bem cedo. Não criam raízes e por isso não sentem mais a derrota.

Perguntem a Rodrygo, joia do Santos já negociado com o Real Madrid, o que vai mudar na vida dele o fato de ter ido tão mal no Sul-Americano? Nada, vai voltar e jogar como titular até junho e depois Madrid o espera com mais um punhado de Euros. Alguma coisa precisa ser feita, mas o quê? Essa é a pergunta de um milhão de euros cuja resposta vale o dobro. O quê?

#Flamengo #SãoPaulo #RealMadrid #Rodrygo #CBF