top of page
  • Foto do escritorFutebol em Rede

Fox Rancing fecha patrocínio com o surfista André Pássaro


O surfista André Guimarães, o André Pássaro, especialista em ondas grandes, está com um novo patrocinador: trata-se da Fox Racing, líder global em equipamentos e roupas de Motocross e Mountain Bike (MTB). Esta é a primeira vez que esta marca se associa a um surfista, já que normalmente apoia os citados esportes, equipando os melhores atletas profissionais e amadores em todo o mundo, com produtos que aliam inovação e estilo.

“No dia 18 de agosto firmei a parceria com a Fox Racing e me torneio o único surfista brasileiro a contar com o patrocínio dessa conceituada marca, conhecida mundialmente no meio do Motocross e Mountain Bike. É um incentivo a mais para que siga buscando novos desafios, ou seja, surfar em locais icônicos e complexos do surf mundial. Agradeço ao Fox Racing pela confiança e consideração”, relatou André.

O surfista André Guimarães nasceu no Rio de Janeiro (RJ), mas reside há algum tempo em Rio das Ostras (RJ). Ao longo da sua carreira o André Pássaro se especializou em ondas grandes e já esteve surfando nos maiores points do Surf internacional e nacional. Em Nazaré, um dos points mais desafiadores e perigosos do mundo, o carioca surfou umas das maiores ondas da temporada.

Ao longo de sua história no esporte, André já esteve em outros lugares bastante considerados no Surf internacional. “Waimea é uma onda muito cultuada na Ilha de Oahu; Sunset Beach, que aprendi a gostar por ter uma potência absurda. Aprecio a Ilha de Maui, onde quebra a onda de Peahi (Jaws), que é muito forte e, com certeza, testa os nossos limites. Também gosto muito de surfar nas ondas de Puerto Escondido, no México, na Praia de Zicatela”, aponta Pássaro, que também conta com apoio da Red Nose Eyewear, que é a linha de óculos exclusivos da Red Nose.

“No Brasil, um dos lugares que mais gosto, com certeza, é Saquarema (RJ), na Praia da Barrinha, e também a Praia de Itacoatiara, em Niterói (RJ). Além de Fernando de Noronha (PE), no Pico da Cacimba do Padre. Essas ondas quando o mar está grande são realmente potentes. Gosto muito de surfar em Rio das Ostras. E já vivi três vezes a emoção de surfar na pororoca maranhense. Lá produzi um documentário com os surfistas ribeirinhos locais”, finaliza André Guimarães.

Foto: Divulgação


Comentários


bottom of page