• Futebol em Rede

Festa dos Melhores do NBB foi histórica


A Festa dos Melhores do NBB 2019/2020, apresentada por Budweiser, foi marcante. Na noite de sexta-feira (10 de julho), o evento de premiação da temporada foi marcado pela experiência multiplataforma de transmissões no Facebook e no Twitter na primeira festa online da liga na história. Além disso, foram realizadas várias entregas comerciais aos patrocinadores da LNB: Budweiser, Nike, Plastubos, UNISAL e McDonald’s.

No Facebook ocorreu a live principal da festa, onde os apresentadores Guilherme Maia e Gi Terezzino anunciaram premiados e os entrevistaram ao lado dos representantes das marcas. Já no Twitter, o #SofáDoNBB trouxe análises e descontração por parte de cinco influenciadores.

“O NBB a cada ano que passa fica mais competitivo e mais disputado. Temos muito orgulho de tudo isso, olhando para trás, por esses 12 anos que estamos juntos. Só temos a agradecer à Budweiser, que está sempre enaltecendo os grandes momentos. Estamos sempre aprimorando, olhando para essa grande empresa que sempre apoia a gente. O campeonato não poderia acabar dessa maneira inusitada que pegou o mundo, mas mesmo assim estamos aqui brindando os participantes. Queremos fechar essa temporada 2019/2020 da melhor maneira possível”, declarou Nilo Guimarães, presidente da Liga Nacional de Basquete (LNB).

As premiações dos Melhores do NBB 2019/2020 foram marcadas pelo domínio de Georginho, destaque do São Paulo FC, que encerrou a festa com cinco troféus, sendo um deles o tão cobiçado Troféu Wlamir Marques de King of The Season (MVP), oferecido pela Budweiser.

Ele, de fato, fez história na noite. Ao vencer o troféu, Georginho de Paula se tornou o atleta mais jovem da história a ser eleito MVP do NBB (24 anos). Além disso, ainda foi eleito como Armador do Ano e Jogador Que Mais Evoluiu. Também levou para casa os prêmios estatísticos de Líder em Rebotes e Jogador Mais Eficiente.

Nunca antes um atleta havia saído de uma Festa dos Melhores do NBB com cinco troféus. Anteriormente, Murilo Becker (2011/2012), Marcelinho Machado (2008/2009) haviam faturado quatro prêmios nas respectivas temporadas. Por isso, o feito do jovem armador do São Paulo FC foi ainda mais expressivo, mesmo com o campeonato encerrado pela pandemia.

“Os últimos três anos da minha vida foram bem agitados. Tive uma dificuldade de me consolidar como jogador profissional. Ganhei o prêmio de Jogador Que Mais Evoluiu na temporada 2016/2017, mas os dois anos seguintes foram decepcionantes para mim porque eu esperava manter aquela evolução e não consegui. Por muito tempo eu desacreditei do meu potencial, e essa temporada no São Paulo me fez dar a volta por cima. Hoje dá para ter noção de tudo o que eu conquistei profissionalmente e pessoalmente. Fiquei muito ansioso por esse prêmio e agora eu só tenho a agradecer à minha família, meus amigos, companheiros de time, comissão técnica, e a todos que apoiaram e até mesmo aqueles que duvidaram de mim”, declarou Georginho.

"Tenho a mesma alegria de jogar de quando era garoto", complementou Georginho.

O momento da entrega do troféu de King of The Season contou com a presença de Louis Henry Millard, Gerente de Marketing da Budweiser. O executivo não mediu palavras para elogiar Georginho de Paula e ressaltar os valores da marca ao se associar ao “Rei” do campeonato.

"Esse prêmio não poderia ter ido para uma pessoa mais adequada. Aqui na Budweiser nosso grito de guerra é o ‘King’, que originou o King of The Season. Ele é muito sobre trajetória, marco, legado que as pessoas estão deixando, é um convite para as pessoas não desistam dos seus sonhos, por mais malucos que eles possam parecer, por mais adversidades que possam surgir no seu caminho, é um grito de guerra que te convida a continuar lutando e escrevendo sua história, porque tem sempre alguém se inspirando em você”, disse o representante da Budweiser, marca que renovou a parceria com o NBB por mais três anos antes do início da temporada 2019/2020.

O Quinteto Ideal

Além de Georginho de Paula, eleito Armador do Ano pela primeira vez, o Quinteto Ideal do NBB foi completado com os seguintes atletas: Marquinhos Souza (Flamengo) e André Góes (Mogi das Cruzes Basquete) como Alas do Ano, e Devon Scott (Minas Tênis Clube) e Rafael Hettsheimeir (Sesi Franca Basquete) como Pivôs do Ano.

André Góes, que ainda concorreu ao troféu de King of The Season, foi eleito para o Quinteto Ideal pela primeira vez. Enquanto isso, Marquinhos, que também foi candidato a MVP, figurou entre os melhores do campeonato pela nona vez nos últimos 10 anos.

Já no garrafão, Hettsheimeir conquistou o troféu de Pivô do Ano pela quarta vez nos últimos seis NBB’s. Por sua vez, o norte-americano Devon Scott, que fez sua estreia em solo brasileiro nesta temporada, alcançou o expressivo feito de figurar entre os melhores da competição em seu primeiro ano na liga.

Defesa é Plastubos

Outro ponto alto da festa foi a entrega dos prêmios de Defesa, que tiveram oferecimento da Plastubos. O troféu de Defensor do Ano ficou com quem domina o quesito defesa por mais de uma década no NBB: Alex Garcia, do Minas Tênis Clube, vencedor do prêmio pela nona vez na carreira.

“Feliz novamente por conquistar esse título. É um fundamento que trabalho muito, gosto muito de fazer e tenho prazer em fazer. Então estou muito feliz por esse prêmio”, comentou Alex Garcia, que voltou a vencer o prêmio depois de uma sequência de oito conquistas seguidas foi interrompida em 2016/2017 por Jimmy (Sesi Franca), que era o então tricampeão consecutivo do troféu e que também figurou entre os candidatos desta edição – Rafael Mineiro (Flamengo) era o outro concorrente.

Para representar a Plastubos, empresa de materiais de construções que tem como slogan “Qualidade que Resiste”, Fábia Guerra Marcolin, Gerente de Comunicação e Marketing da marca, parabenizou Alex Garcia pelo prêmio e pela trajetória na carreira.

“Quero parabenizar o Alex Garcia pelo grandioso desempenho nesse campeonato. Alex, você é uma inspiração para todo jogador se manter em alto nível. Tenho acompanhado sua trajetória há 15 anos, e por defender a Seleção Brasileiro com tanto orgulho e dedicação. Sem sombra de dúvida você é um dos melhores jogadores do NBB. Parabéns pela trajetória de sucesso. Você foi essencial para a performance do Minas Tênis Clube. Parabéns, você merece esse prêmio”, disse a executiva.

A parceria com a Plastubos também proporcionou a criação de um novo prêmio: a Equipe de Defesa, que coroou os cinco atletas mais votados a Defensor do Ano para compor um quinteto defensivo do campeonato: Henrique Coelho (Botafogo), Danilo Fuzaro (Mogi das Cruzes Basquete), Jimmy Dreher (Sesi Franca Basquete), Alex Garcia (Minas Tênis Clube) e Rafael Mineiro (Flamengo). Esse tipo de premiação é tradicional na maior liga de basquete do mundo, a NBA.

Além disso, foram entregues pela Plastubos os prêmios de Líder em Tocos, que ficou com o jovem João Vitor, da Unifacisa (1,5 por partida), Líder em Rebotes, um dos cinco prêmios faturados por Georginho de Paula (8,7 rebotes por partida) na noite, e Equipe de Melhor Defesa ao CR Flamengo (77,1 pontos sofridos por jogo).

Dikembe vence o prêmio de Destaque Jovem, oferecido por McDonald’s

O McDonald’s patrocinou o prêmio de Destaque Jovem do NBB 19/20, que foi vencido pelo pivô Dikembe, do Paulistano/Corpore. O jogador de 20 anos teve médias de 10,3 pontos e 7,8 rebotes (4º do NBB), além de ter sido o líder em enterradas da competição, com 1,7 por jogo.

Curiosamente, Dikembe havia sido eleito o MVP do Desafio Interligas - Novas Estrelas, no Jogo das Estrelas de Franca (SP) em 2019, que também oferecido pelo McDonald’s.

“Primeiramente, tenho que agradecer a Deus por mais um título individual. Estava concorrendo com grandes jogadores, que fizeram um grande campeonato, isso é nítido. Qualquer um dos três que ganhasse seria bom, porque os três foram bem, e outros que poderiam estar concorrendo. Todos fizeram um bom trabalho e só tenho a agradecer a Deus e todos que estiveram envolvidos comigo na temporada, tanto minha família quanto minha equipe. Estou muito feliz por isso”, declarou Dikembe.

Quem falou em nome do McDonald’s foi o Gerente de Trade Marketing da empresa, Ricardo Collard, que parabenizou Dikembe lembrando do Jogo das Estrelas em Franca, em que também realizou a ação dos 100 pontos valendo Big Mac para todo o ginásio, e brincando com o nome do atleta.

“É uma honra o McDonald’s estar te entregando esse prêmio de Destaque Jovem. Eu estava presente lá em Franca também, vi o jogo e vi você sendo premiado. Então é um prazer, uma honra. Também assisti seu vídeo, tenho certeza que o Dikembe Mutombo (ex-jogador da NBA) está muito orgulhoso por você estar recebendo esse prêmio, porque eu vi um vídeo seu de três anos atrás, em que ele ficou sabendo que ele foi homenageado com seu nome. Parabéns, merecido!

Guerrinha fatura prêmio de Técnico do Ano, oferecido por UNISAL

O experiente treinador Jorge Guerra, o Guerrinha, do Mogi das Cruzes Basquete, foi o vencedor do Troféu Ary Vidal de Técnico do Ano do NBB, oferecido pelo UNISAL (Centro Universitário Salesiano de São Paulo). Aos 61 anos, ele conquistou o prêmio pela primeira vez na carreira, embora já colecione três Finais e seja o técnico mais vitorioso da história do campeonato.

Na atual temporada, ele conduziu um Mogi repleto de desfalques e dificuldades ao quinto lugar na fase de classificação (16 vitórias em 26 partidas) e a expressivas vitórias, mesmo com baixas no elenco, como contra Flamengo, Sesi Franca, São Paulo e Minas, clubes que compuseram o G-4 até o término do campeonato.

“Fui sete vezes indicado a Técnico do Ano, mas não tinha vencido ainda. Mas eu entendo que tem ótimos treinadores no NBB, todos merecem, cada um com seus méritos e dificuldades. E eu sou educado, professor, então sou aquele líder que tem que resolver o problema e não reclamar do problema. Esse é o grande legado de um treinador, de um líder, que é não ficar reclamando e sim criar soluções”, disse Guerrinha.

Para fazer a entrega do prêmio, o Prof. Nilson Leis, Pró-Reitor Administrativo do UNISAL, parabenizou Guerrinha e aproveitou para dar aquela palavra sincera e genuína, “de professor para professor”.

“Entregar esse prêmio ao Guerrinha é uma satisfação enorme. Uma alegria enorme, pela pessoa que o Guerrinha é, pela carreira vitoriosa, seja como jogador, técnico, professor... O Guerrinha é um exemplo, uma liderança, um exemplo para os nossos jovens pela sua força, diretrizes e humildade. O Guerrinha ao longo do tempo, e agora como técnico, superou dificuldades enormes, além de todas as que estamos vivenciando, tem se superado sempre e conseguido levar adiante esse esporte de forma tão brilhante. Guerrinha, parabéns. É uma emoção, um grande prazer que o UNISAL tem em dar essa premiação, porque ela é mais do que justa e merecida. Parabéns!”, falou Leis.

Nike oferece troféu de Cestinha do NBB, vencido por Leandrinho

O Troféu Oscar Schmidt de Cestinha do NBB 2019/2020, oferecido pela Nike, foi de Leandrinho Barbosa. O craque do Minas Tênis Clube e da Seleção Brasileira finalizou a temporada com expressiva média de 20,1 pontos por jogo e faturou o prêmio.

“É um prazer estar aqui recebendo esse troféu. É uma pena não ter acabado o campeonato, na hora do melhor do melhor mesmo, que são os playoffs, tivemos que parar a liga, mas fico feliz por ter vencido esse troféu e levo para o Minas com o maior carinho”, declarou Leandrinho.

O jogador, que há anos é patrocinado pela Nike, recebeu belas palavras do Gerente de Marketing Esportivo da marca, Diego Garcia.

“Estou muito feliz por estar aqui representando a Nike hoje. Duplamente feliz, porque como patrocinador da liga, entregar um prêmio tão importante como o de Cestinha, que leva o nome do Oscar Schmidt, é uma honra para a gente. Premiar um atleta patrocinado por nós é um prazer ainda maior. No seu caso, você já tem uma história muito grande com a marca”, disse Diego, que completou:

“Como o (Guilherme) Maia bem falou, conseguir ver um atleta que conquistou tudo que conquistou na carreira, Sexto Homem da NBA, título da NBA, jogando aqui no Brasil, performando e jogando em alto nível para ser cestinha de um campeonato tão concorrido como é o NBB, é um prazer para a gente poder ser testemunha disso, então queria te dar os parabéns”, finalizou o Gerente de Marketing Esportivo da Nike.

A Nike patrocina o NBB há três temporadas e vem colaborando fortemente no desenvolvimento dos atletas e do NBB como um todo. Recentemente, a marca realizou o 2º Nike Elite NBB Camp, clínica de uma semana para os maiores prospectos da categoria Sub-17, comandada pelo técnico de formação na Argentina, Ricardo Bojanich.

As votações dos prêmios da Festa dos Melhores do Ano do NBB contaram com a participação de técnicos, assistentes e capitães das 16 equipes que disputaram a atual edição do NBB, além de imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros.

O NBB é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e em parceria com a NBA, e conta com os patrocínios oficiais da Budweiser, Unisal, Nike, Penalty, Plastubos e VivaGol.

Premiados

Coletivos

Equipe de Melhor Defesa (oferecido por Plastubos): CR Flamengo - 77,13 pontos por jogo

Equipe de Melhor Ataque: São Paulo FC - 88,7 pontos por jogo

Equipe Fair Play: Pato Basquete

Arbitragem

Melhor Árbitro: Cristiano Maranho (SC)

Trio de Arbitragem: Cristiano Maranho (SC), Andréia Regina da Silva (SP) e Fabiano Huber (GO)

Árbitro Revelação: Fernando Leite (SP)

Individuais

Cestinha – Troféu Oscar Schmidt (oferecido por Nike): Leandrinho Barbosa (Minas) – 20,1 pontos por jogo

Líder em Rebotes (oferecido por Plastubos): Georginho (São Paulo FC) – 8,7 rebotes por jogo

Líder em Assistências: Pepo Vidal (Unifacisa) – 7,8 assistências por jogo

Líder em Tocos (oferecido por Plastubos): João Vitor (Unifacisa) – 1,5 tocos por jogo

Líder em Eficiência: Georginho (São Paulo FC) – 24,1 de eficiência por jogo

Jogador Que Mais Evoluiu: Georginho (São Paulo FC)

Destaque Jovem (oferecido por McDonald’s): Dikembe (Paulistano/Corpore)

Estrangeiro do Ano: David Jackson (Sesi Franca Basquete)

Sexto Homem do Ano: Léo Demétrio (CR Flamengo)

Técnico do Ano (oferecido por UNISAL): Guerrinha (Mogi das Cruzes Basquete)

Defensor do Ano (oferecido por Plastubos): Alex Garcia (Minas Tênis Clube)

Equipe de Defesa (oferecido por Plastubos): Henrique Coelho (Botafogo FR), Danilo Fuzaro (Mogi das Cruzes Basquete), Jimmy Dreher (Sesi Franca Basquete), Alex Garcia (Minas Tênis Clube) e Rafael Mineiro (Flamengo)

Armador do Ano: Georginho de Paula (São Paulo FC)

Alas do Ano: André Góes (Mogi das Cruzes Basquete) e Marquinhos Souza (CR Flamengo)

Pivôs do Ano: Devon Scott (Minas Tênis Clube) e Rafael Hettsheimeir (Sesi Franca Basquete)

King of The Season (oferecido por Budweiser): Georginho de Paula (São Paulo FC)