• Futebol em Rede

Escame acredita na escola como ponto inicial da prática esportiva


O professor Alexandre Escame acredita que o esporte só revelará talentos em grande escala, como acontecia no passado, quando a escola voltar a ser o ponto de partida para prática das mais variadas modalidades. Para o educador físico, esse papel que as instituições de ensino precisam desempenhar nas aulas de Educação Física, ou mesmo fora do horário curricular, só trazem benefícios aos alunos.

“A prática sadia, correta e bem orientada de esporte ajuda o jovem de muitas maneiras: evolução cognitiva, tomada de decisões rápidas, pensar em estratégias, respeitar regras e muito mais. Além disso, é importante na sociabilização, uma vez que o aluno aprende a viver em grupos e construir novas amizades, sem falar na promoção da saúde, prevenção de doenças cardiovasculares e da obesidade”, comentou Alexandre, que integra o quadro docente do SEB COC.

Para o professor, iniciar as atividades na escola ajuda também na formação esportiva, além de fidelizar o aluno com a instituição. “É claro que ficamos atentos também ao potencial esportivo do aluno, acompanhando suas identificações, aptidões e produções em várias modalidades. E quando detectamos um talento, procuramos orientá-lo e direcioná-lo para que passe a treinar numa equipe e tenha a chance de crescimento, quem sabe até rumando ao alto rendimento”, relatou Escame.

“Outro ponto importante da prática esportiva escolar, é que isso acaba fidelizando o aluno com a instituição, além de trazer para perto os pais e parentes, que acabam conhecendo mais o trabalho que a escola realiza com seu filho, não só dentro da sala de aula, como fora dela também”, acrescentou Alexandre.

Segundo Escame, através da prática esportiva os jovens aprendem a tomar decisões rápidas e seguras, além de e buscar os próprios caminhos. De acordo com o professor, isso é extremamente salutar mesmo que o aluno não siga uma carreira esportiva.

“Os benefícios do esporte são úteis para toda vida, pois ajuda no autoconhecimento e no desenvolvimento do raciocínio lógico, além de estimular constantemente o trabalho em grupo, por isso, afirmo que é benéfico na vida social e profissional também. Esses fatores são importantíssimos para o desenvolvimento dos jovens”, explicou Alexandre, que paralelamente ao trabalho acadêmico, atua como técnico de basquetebol de equipes de alto rendimento.

O professor Alexandre Escame, que completou recentemente 26 anos trabalhando no SEB COC, sempre lecionou com amor e dedicação à sua profissão e respeito aos alunos. “O SEB COC é uma instituição de referência, que atua com excelência na educação e formação de crianças e jovens. Na cadeira de Educação Física pensamos em seguir essa mesma linha e, para a nossa alegria, temos atingido constantemente este objetivo”, finalizou.