• Futebol em Rede

Era para ser mais fácil

Era para ser mais fácil, mas o Corinthians garantiu vaga na semifinal da Copa Sul Americana. O empate, 1 a 1, com o Fluminense no Maracanã, foi o suficiente. Certamente, o time de Fabio Carille ( Foto – Daniel Augusto Jr ) não precisaria correr riscos. A equipe foi mais perigosa do que o adversário. No entanto, após sair na frente, o treinador tentou segurar o resultado e recuou.

Mais digno de nota, o jogo estava com a cara do Corinthians. Acima de tudo, após sair na frente, era jogar no erro do adversário. Com presença ofensiva, o erro seria previsível. Parece que, Carille, não queria ganhar o jogo. A vaga era suficiente. Mudou errado ao sacar a força ofensiva e reforçar a defesa. Chamou o adversário para o seu campo e tomou o gol de empate. Mais uma vez o VAR abusou da demora para validar o gol carioca.

O Fluminense não tinha força ofensiva para preocupar tanto o treinador do Corinthians. Ainda mais, com o recuo, virou ataque contra defesa. Carille facilitou o trabalho do adversário. Correu risco desnecessário ao abdicar do jogo. O Corinthians é mais time que o Fluminense e sair na frente matou a disputa. O equilíbrio da partida foi fruto do excesso de preocupação do time paulista. Agora, é não cometer erros contra o Independiente Del Vale.

#corinthians