top of page
  • Foto do escritorFutebol em Rede

DIFÍCIL DESAFIO PARA MBAPPÉ


Atual campeã do Mundo, é natural que a França esteja entre os grandes favoritos no Catar. Na última competição os franceses encantaram e apresentaram ao planeta sua maior estrela Kylian Mbappé (Foto/Crédito – O Fuxico), na época, 19 anos. O tempo foi implacável. O time envelheceu, perdeu um pouco do brilho e namora a troca de treinador após o Catar. Dos 23 campeões, só 13 estarão em campo. As ausências mais sentidas no meio de campo com Kanté e Pogba.


Para inspirar os franceses, Benzema, melhor jogador do planeta, volta a seleção. O atacante com 34 anos, tem a chance de apagar o triste episódio da divulgação de vídeos eróticos do companheiro de seleção Valbuena. Pela fase que vive, a esperança francesa é a dupla Benzema/Mbappé para manter o título. Até hoje só Itália e Brasil conseguiram repetir conquistas na Copa do Mundo. A França só não chega nos jogos eliminatórios se acontecer um desastre.


No Grupo D, Dinamarca já arrancou aplausos, mas em 5 participações, só chegou nas quartas em 1998 (França). A Austrália que pode brigar pela segunda vaga no grupo, chegou nas oitavas em 2006. A Tunísia, que sempre cai na primeira fase, será coadjuvante. Terreno fértil para a França se animar e ajustar o time, bom, mas longe do ideal. Para ser campeã, vai precisar de um super-herói. Benzema, o vingador, uma aposta. O difícil desafio estará mesmo nos pés de Mbappé, o tartaruga ninja.



Commentaires


bottom of page