• Futebol em Rede

Dever de casa para Tite na seleção

Terminou a temporada para a seleção brasileira após a vitória, 1 a zero, diante de Camarões em Londres. O que importa mesmo é o recomeço após a Copa do Mundo. As vitorias ficam para a estatística da seleção. As caras novas no time merecem maior atenção. Tite deve estar preocupado, não encontrou solução para as laterais nos amistosos e o lado direito quase não tem alternativa. Nos testes, pós Copa, algumas boas novidades e descartáveis. A principal novidade foi Richarlison ( Foto – m.diarioonline.com.br ), atacante do Everton, 21 anos, entrou e ocupou espaço. Já virou uma realidade na briga com Gabriel Jesus e Firmino no ataque. Tite achou Alan para o meio campo. O jogador do Napoli foi bem contra Camarões e merece outras chances. Arthur do Barcelona vai ganhar posição cedo ou tarde. São jogadores que fizeram por merecer continuar nos planos e até ganhar espaço para a Copa América, principal desafio do próximo ano. Já a lista dos jogadores que decepcionaram é maior. Wallace e Pablo são apostas no mesmo nível que Taison e Fred. Quase injustificáveis na seleção. Dos experientes, Thiago Silva dançou. Paulinho e Renato Augusto vivem em condições físicas distante do resto do planeta e devem ser repensados. As laterais tiram o sono. Na esquerda Felipe Luis ajuda e ainda tem o bom Renan Lodi para ser testado. Já na direita, achar uma solução está bem mais difícil. Seria um bom pedido de Tite para o Papai Noel ou um dever de casa para tirar o sono do treinador.

#SeleçãoBrasileira