• Futebol em Rede

Conmebol no mundo da lua


Conmebol vive no mundo da lua, é a única interpretação possível após a divulgação dos candidatos para sediar as competições sul-americanas nos próximos três anos. Inacreditável, a divulgação oficial acontece em meio à pandemia e sem que sequer exista algum plano sensato para a volta do futebol no continente. Estão sonhando acordados ou sob efeito de algum estimulante bem forte.


Só para lembrar. Libertadores e Copa Sul-Americana deste ano, serão disputadas, se realmente aconteceram após a pandemia, no Maracanã e em Córdoba, Argentina. A lógica indica que um país que sedia uma decisão não deve ser repetido na decisão seguinte. Pela lista divulgada pela Conmebol, a Libertadores 2021 poderia ter final na Argentina, Chile ou Equador. Já a Copa Sul-Americana no Brasil, Chile ou Equador. Lembrando que a Copa América deste ano, que foi adiada, seria disputada na Colômbia e na Argentina. Não por acaso, Colômbia, Uruguai e Peru só aparecem na lista de possíveis sedes a partir de 2022.


Discutir esse assunto, no momento que vivemos em pandemia e sem soluções para a bola voltar a rolar no continente é um absurdo tão grande, que temo entender o documento como atestado de insanidade mental. Numa comparação simples, a atitude da Conmebol é a mesma coisa que um indivíduo fazer lista de compras para quando ganhar na loteria. Eles estão no mundo da Lua ou precisando urgente de remédios tarja preta.