• Futebol em Rede

Complicou a vida do Santos no Paulista

A derrota para o Corinthians, 2 a 1, no primeiro jogo da semifinal do Paulista, é um balde de agua fria para os entusiastas do técnico argentino Jorge Sampaoli ( Foto – diariodopeixe.com.br ). Os bons momentos do time na fase de classificação serão esquecidos se o título não vier. Ficarão na memória as derrotas inexplicáveis para Ituano e Botafogo e a falta de poder de fogo na hora da decisão. Para resumir, os erros marcam mais do que as virtudes. Justo no setor defensivo o Santos sofre nos últimos tempos. Perdeu por contusão o grandalhão e bom zagueiro Gustavo Henrique. No primeiro gol do Corinthians, desatenção na bola parada do adversário e pimba. No segundo gol, falha de Luis Felipe que teve duas chances de tirar a bola da zona de perigo com a cabeça e acabou errando. O Corinthians não perdoou e venceu o jogo. Venceu por aproveitar os deslizes do Santos e por ter mais força ofensiva. No ataque, Sampaoli não acha solução. O melhor atacante do Santos foi o goleiro Cássio que saiu mal do gol e deixou Derlis Gonzalez solto para empatar no primeiro tempo. O Santos até tentou pressionar no final do jogo em busca do empate, mas não tinha ninguém na área adversária para pelo menos dividir a atenção da marcação. Ficou difícil reverter. O Santos terá que fazer um jogo perfeito no Pacaembu. Não poderá errar e o desafio é grande, acertar o gol adversário sem ter um jogador efetivo no ataque. Complicou muito para o Santos.

#Santos