• Futebol em Rede

Chance perdida pelo Galo


Chance perdida pelo Galo na Copa Sul Americana. O time até que reagiu com vontade e venceu o Colon, no Mineirão, 2 a 1. Porém, perdeu nos pênaltis, 4 a 3, e foi eliminado. Acima de tudo, foi uma chance de ouro para o Atlético MG terminar a temporada com um título. Como resultado, fica evidente a necessidade de mudança no elenco. Rodrigo Santana ( Foto – Divulgação ) só tapou buraco na função.


Certamente, o Galo vai precisar de uma reformulação. Jogadores veteranos rendendo pouco. Outros, envolvidos em problemas fora de campo. Um clube que começou na Libertadores, não vem bem no Brasileiro e foi eliminado pelo décimo sétimo colocado da Argentina, precisa de uma chacoalhada. Não é culpa só dele, mas apostar no interino Rodrigo Santana, não foi a escolha certa.


O jovem treinador, 37 anos, poderia ser uma solução num momento de calmaria. Com a equipe cheia de veteranos, apostar no técnico sub 20, com pouco mais de um ano de clube, não deu certo. Para fazer a reformulação necessária no elenco, é preciso alguém com mais rodagem. Ainda mais, com o clube sem ganhar. O último título foi o estadual de 2017. Perderam a chance de ouro de uma conquista internacional e de garantir vaga na Libertadores 2020. É hora de mudança.