• Futebol em Rede

Cebolinha brilha e Grêmio tropeça

Cebolinha brilha e o Grêmio tropeça na reabertura do futebol brasileiro. O empate, 1 a 1, diante do Bahia, em Porto Alegre, foi frustrante para o torcedor gaúcho. Devido a possível saída de Everton Cebolinha ( Foto – Divulgação ), todos esperavam um show de despedida. A maior estrela do time, jogou bem, fez gol e foi decisivo. Parece que a novela terá mais capítulos. Everton aguarda propostas oficiais e que quer dar retorno ao investimento do Grêmio.

Primeiro de tudo, vender o jogador vai derrubar a qualidade técnica do time. Da mesma forma, deixar de negociá-lo pode criar uma situação delicada. Talvez, aconteça com Everton, o mesmo que ocorreu com Luan. O camisa sete caiu num buraco negro, deixou de ser referência e virou um reserva inseguro. O jeito é acreditar na boa fase do garoto e deixá-lo bater asas. Como diria o poeta: “que seja eterno enquanto dure”.

O Grêmio foi melhor em boa parte do jogo. Acima de tudo, porque Everton Cebolinha desequilibrou. Cometeu um erro numa bola parada e tomou uma ducha gelada. O Bahia surpreendeu. Renato Portaluppi deve estar roendo as unhas. Seu time, sem Everton Cebolinha, é pouco agressivo. Muitas vezes lento no meio campo, carrega demais a bola e depende dos dribles do seu melhor jogador para obter resultados. A evidente saída do jogador vai tirar o sono do treinador gaúcho.

#Grêmio