• Futebol em Rede

Balbi, Jackson e Scott concorrem ao prêmio de Melhor Estrangeiro do NBB 2019/2020


Os candidatos ao troféu Melhor Estrangeiro do NBB 2019/2020 foram divulgados. Estrela do Flamengo e atual vencedor do prêmio, Franco Balbi é um dos três concorrentes, junto com Devon Scott, do Minas Tênis Clube, e de David Jackson, do Sesi Franca Basquete.

Criado na temporada 2013/2014, o prêmio de Melhor Estrangeiro do NBB já foi entregue seis vezes, sendo que somente uma vez o vencedor foi um atleta não norte-americano – Franco Balbi, no NBB 2018/2019. Os outros vencedores foram David Jackson, que faturou o troféu por dois anos seguidos (2013/2014 e 2014/2015), Shamell (2015/2016), Holloway (2016/2017) e Tyrone (2017/2018).

O prêmio de Melhor Estrangeiro faz parte do calendário anual da eleição dos Melhores do Ano do NBB, que contará com prêmios divididos nas seguintes categorias: Quinteto Ideal do NBB (Armador, Alas e Pivôs), Troféu Ary Vidal - Técnico do Ano (apresentado por Unisal), Jogador com Maior Evolução, Destaque Jovem, Defensor do Ano (apresentado por Plastubos), Melhor Sexto Homem, Estrangeiro do Ano e o King of the Season (apresentado por Budweiser).

A votação para essa e todas as outras categorias contou com a participação de técnicos, assistentes e capitães das 16 equipes que disputaram a atual edição do NBB, além de imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros. Os vencedores serão conhecidos na Festa dos Melhores do Ano, que acontecerá no dia 10 de julho (sexta-feira), às 19 horas, ao vivo no Facebook do NBB.

Indicados

David Jackson (Franca)

Único jogador a ganhar o prêmio duas vezes, David Jackson pode se isolar como o maior vencedor do troféu de Melhor Estrangeiro do NBB. O ala norte-americano foi o cestinha do Sesi Franca na temporada, com 17,1 pontos, contribuindo também com 4,6 rebotes e 3,2 assistências por jogo. Ele terminou em quarto lugar no ranking de eficiência do campeonato, com 19,8 no quesito.

Devon Scott (Minas)

Devon Scott dominou os garrafões do NBB na sua primeira temporada no Brasil. Terceiro jogador mais eficiente da liga (19,9 de eficiência), o pivô norte-americano foi o líder de rebotes do Minas e o segundo melhor de todo o campeonato (7,8 por jogo). Ele teve média de 14,3 pontos por partida, com incríveis 65,5% de aproveitamento dos arremessos de dois pontos.

Franco Balbi (Flamengo)

Balbi fez história na temporada 2018/2019 ao ser o primeiro jogador nascido fora do Estados Unidos a ganhar o troféu de Melhor Estrangeiro do NBB. Este ano, o armador argentino está em busca do seu segundo prêmio consecutivo. Ele foi o líder de assistências do Flamengo na temporada e o terceiro melhor do NBB (7,4 por jogo). Além disso, Balbi é dono do recorde de assistências em uma só partida na temporada, com 17 passes para a cesta contra o Pinheiros, no segundo turno.

Também foram votados para Melhor Estrangeiro do NBB 2019/2020: Shamell (São Paulo FC), Parodi (Franca), Nesbitt (Corinthians), Pepo Vidal (Unifacisa), Bennett (Pinheiros), Fuller (Corinthians), Nate Barnes (Unifacisa), Freddie (Botafogo), Jamaal (Botafogo), Sahdi (Rio Claro), Solano (Paulistano), Baxley (Rio Claro), Zach Graham (Flamengo).

Vencedores

2018/2019 – Franco Balbi (Flamengo)

2017/2018 – Tyrone (Mogi)

2016/2017 - Holloway (Pinheiros)

2015/2016 - Shamell (Mogi)

2014/2015 - David Jackson (Limeira)

2013/2014 - David Jackson (Limeira)

*o prêmio passou a ser entregue na temporada 2013/2014

O NBB é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e em parceria com a NBA, e conta com os patrocínios oficiais da Budweiser, Unisal, Nike, Penalty, Plastubos e VivaGol.