• Futebol em Rede

A Seleção Brasileira está distante do torcedor e faz amistosos que não despertam interesse

Seleção do técnico Tite está distante do torcedor brasileiro. Foto Lucas Figueiredo/CBF


A Seleção Brasileira do técnico Tite fará dois amistosos contra Uruguai (sexta-feira, 16, às 18h) e Camarões (terça-feira, 20, às 17h30) que representam muito pouco ao final de uma temporada pós-Copa do Mundo.

Depois da fraca participação do Brasil na Copa da Rússia esses jogos servem apenas para deixar o torcedor ainda mais distante do selecionado nacional. Talvez, fosse melhor aproveitar as datas somente para treinamentos.

Claro que tem a necessidade econômica, mas atravessamos um momento sério onde o torcedor perdeu a confiança e o consequentemente o interesse pela Seleção Brasileira.

O torcedor brasileiro está mais interessado em saber qual o horário do jogo da volta da final da Taça Libertadores da América entre River Plate e Boca Juniors ou na rodada do Campeonato Inglês. Veja que até o Campeonato Brasileiro não desperta o mesmo interesse de outros tempos. Tem o Palmeiras cada vez mais perto do título, a luta para fugir do rebaixamento e uma série de times que literalmente cumprem tabela sem maiores pretensões.

A Seleção Brasileira também está distante geograficamente, tem jogado mais na Inglaterra que a própria seleção daquele país. Talvez o melhor caminho fosse jogar aqui no Brasil. Enfrentando até mesmo combinados estaduais.

Infelizmente, 2018 não é um ano para se esquecer, mas sim para tirar lições para o futuro.

#SeleçãoBrasileiraamistosos