• Futebol em Rede

A ética de Vagner Mancini e da Federação Brasileira de Treinadores de Futebol

Quando Oswaldo de Oliveira foi demitido do Atlético Mineiro por não conseguir fazer o time andar e após discutir com um repórter, a Federação Brasileira de Treinadores de Futebol se insurgiu e fez campanha para que ninguém aceitasse o cargo. Os treinadores boicotariam o time mineiro por entenderem que a demissão foi injusta. Fizeram minuto de silêncio e Levir Culpi foi um dos que mais criticaram a demissão do colega.

Vagner Mancini também estava entre os revoltados até porque é um dos diretores da tal Federação. O tempo passou e muitos outros técnicos foram demitidos e nenhuma manifestação aconteceu. O próprio Levir Culpi assumiu o Atlético Mineiro no lugar do jovem Thiago Larghi e ninguém se manifestou pelo técnico que saiu, nem mesmo o revoltado Levir.

Vagner Mancini assumiu o Vitória, da Bahia, no lugar de Alexandre Galo, e não protestou nem por um segundo pela demissão do seu antecessor. Agora no São Paulo viu André Jardine ser fritado e rebaixado para Cotia e também não propôs minuto de silêncio e nem fez protesto público. Aceitou passivamente deixar o confortável cargo de Coordenador de Futebol, onde era o segundo do Raí, e assumiu interinamente a equipe. Já a dirige domingo contra o Corinthians.

Cuca já está contratado para assumir o tricolor quando for liberado pelo médico, mas tenho certeza que lá no íntimo Mancini quer provar que ele também pode ser o técnico do São Paulo. É uma chance única na sua carreira de técnico médio. Alguém duvida?

Quando Diego Aguirre, no São Paulo; Roger Machado, no Palmeiras e Jair Ventura, no Corinthians, também foram demitidos, não houve nenhum protesto da tal Federação de Treinadores. Ou os técnicos que formam a Federação ainda não foram avisados ou são hipócritas mesmo. Você pode escolher a melhor alternativa. Não vou nem falar de ética porque nesse mundo dos técnicos essa palavra não existe. São unidos no discurso mas individualistas nas ações. Depois reclamam que não são respeitados.

#VagnerMancini #DiegoAguirre #OswaldodeOliveira #AlexandreGalo #AtléticoMineiro