• Futebol Alternativo

2ª DIVISÃO PAULISTA 2021: GRUPO 5

Três equipes despontam como claras favoritas no Grupo 5. USAC, Manthiqueira e Mauá. Os Holofotes também estão voltados ao Atlético Mogi e sua streak de derrotas que não parece ter fim.


ATLÉTICO MOGI

37 jogos sem vencer e 18 derrotas seguidas. É com o Fantasma desse amargo Tabu, que deixaria até o íbis com inveja, que o Atlético Mogi entra na segundona. A última vez que a equipe saiu de campo com três pontos foi em 2017, contra o Real Cubatense. De lá para cá, apenas dois empates. Um em 2018 contra o União Mogi e outro em 2019 contra o São José.

A pergunta de um milhão de dólares é: Conseguirá o Atlético vencer um jogo na Temporada 2021? O elenco é formado por atletas da região do Alto Tietê que realizaram peneiras no clube e estão no futebol querendo mostrar serviço atuando pelo Atlético. Infelizmente a pouca grana e a falta de estrutura do time aparecem dentro de campo e o time deve ter mais um ano de dificuldades.


UNIÃOMOGI

Enquanto no atlético as coisas estão complicadas, do lado vermelho de Mogi a situação é mais tranquila e a equipe entra como uma das favoritas ao primeiro lugar do grupo.


O treinador é Glegson Pereira, o Chila. Esta será a terceira atuação dele como comandante do time mogiano. O treinador de 37 anos conhece bem as categorias de base do clube pois já trabalhou com o sub-15 em 2014, e com o sub-20, entre 2018 e 2019. Nesta última passagem, ganhou o título da Copa Ouro sub-20, além de conquistar uma vaga inédita na segunda fase da Copinha, em 2019, após eliminar o Santos.


Ele foi o responsável pela subida de vários atletas que trabalhou na base para o time principal e é com esse elenco que o União vai para a Competição.


MANTHIQUEIRA

Semifinalista no ano passado, quando perdeu a decisão do acesso para o São José, o Manthiqueira teve os seus jogadores valorizados e levados por equipes que tiveram competições no primeiro semestre. Assim, uma reformulação no elenco foi necessária. Os volantes Rodrigo e Osmar Toró são os dois únicos remanescentes dos titulares que fecharam o campeonato de 2020. O elenco tem outros jogadores que também já atuaram pelo Manthiqueira em competições anteriores, principalmente na Copa São Paulo de Futebol Júnior.


Nos amistosos preparatórios bons resultados. Empate por 0x0 contra o time principal do Taubaté e vitória por 3x2 sobre o Resende que se prepara para a segunda fase da Copa Rio.

MAUÁ FC

Quinto colocado na edição 2020 apenas em seu terceiro ano de existência, o Mauá FC vem em franco crescimento e promete brigar por pelo acesso mais uma vez. O treinador Será Galego, muito conhecido por trabalhar em vários times do ABC Paulista.


No Mauá FC trabalhou nas categorias sub-11 e sub-13 e foi campeão da Associação Paulista. O elenco será formado por atletas da região que já trabalharam com Galego como o meia Vinicius ex-Mauaense, O Goleiro Gabriel e o Lateral Felipe ex-São Bernardo.


ECUS

Novidade entre as equipes do Campeonato, o ECUS volta a disputar uma competição profissional após seis temporadas.


O treinador será um velho conhecida da torcida suzanense Jaques Carvalho. O técnico já esteve à frente do Leão do Colorado em três oportunidades entre os anos de 2011 e 2016, quando comandou os times profissional e sub-20.


Ele foi responsável pela montagem do elenco e do trabalho da pré temporada que começou em meados de junho.


Em processo de reconstrução, a tendência é de que o ECUS seja coadjuvante do grupo.

USAC

Reformulado com novo escudo e nova mentalidade, o USAC tem tudo para ser a grande zebra da segundona 2021. A diretoria investiu pesado e montou um elenco que pode ser chamado de seleção do Campeonato 2020 com vários jogadores de equipes semifinalistas da temporada passada e com o atual treinador campeão do Campeonato, Ricardo Costa. O Meia Atacante Mendes, o volante Pablo, o lateral direito Douglas, o meia Piauí, o zagueiro Vinicius são alguns com experiência comprovada na Segundona e que formam uma base sólida em campo. No Grupo 5 o USAC deve sobrar contra adversários mais fracos, no mata mata contra as equipes mais distantes da capital a briga será muito boa e a experiência do elenco pode pesar a favor do time do Alto Tietê.