• Futebol Alternativo

2ª DIVISÃO PAULISTA 2021: GRUPO 4

Chegando no grupo das equipes mais próximas da capital, apresentamos o grupo 4 que tem tudo para ser o de nível mais fraco da competição. Apenas o Paulista de Jundiaí aparece com chance de disputar algo maior no campeonato, o resto deve fazer figuração


BARCELONA

Eterno saco de pancadas da competição, a tendência é que 2021 seja mais uma ano de sofrimento na Capela do Socorro. Isso porque o clube teve uma preparação muito conturbada para a segundona e o time é basicamente formado por garotos que realizaram peneiras do clube.


Antes mesmo de começar o Campeonato, o time já trocou de comando técnico. Saiu a dupla de treinadores formada por João Paulo Afonso e Emerson Martins, o Mercinho e entrou o jovem e desconhecido Mateus Silva.


O motivo para uma troca de comando tão próxima ao início do Campeonato foram os péssimos resultados do time nos amistosos preparatórios. Em um deles, o elefante chegou a ser goleado pelo Rio Branco de Americana por 7x0.


COLORADO CAIEIRAS

Debutando no Profissionalismo e Grande novidade da competição, o Colorado espera surpreender logo em sua estréia.

Assim como o Barcelona, o time também passou por uma troca de treinador próxima ao início da 2ª Divisão. Toda a pré temporada e montagem do elenco foi feita por Andrezinho, mas ele foi substituido por Fernando Silva, ex-Mauaense e Mauá faltando duas semanas para o início do Campeonato. A troca deixa uma pulga atrás da orelha da torcida da cidade de Caieiras que desde 2011 não tem um time profissional, Fernando vai ter que trabalhar em dobro para deixar o jovem e desconhecido elenco do Colorado adaptado ao seu estilo de jogo.


FLAMENGO DE GUARULHOS

O Corvo foi a grande decepção da segundona do ano passado, chegou com status de favorito e nem de fase passou. Agora joga em 2021 para tentar afastar a má impressão e a desorganização mostrada no passado.

Para isso, a Alpha Sports, parceira do clube, trouxe jogadores revelados pelas categorias de base de outros times do estado para formar o elenco.


Caso do Volante Renato Pitbull que veio da Ponte Preta, o zagueiro Guilherme Barreto ex-Red Bull e o meia Villares ex-Portuguesa. De se notar também a reformulação no visual do clube que adota novo escudo para a temporada 2021.

GRÊMIO MAUAENSE

A Locomotiva de Mauá entra para mais uma disputa da segundona com um elenco formado por atletas que tem passagens por vários times do estado como o meia atacante Marcelo Costa que ficou 12 anos na base do Corinthians e tem uma rápida passagem pelo futebol português.


O atacante Uéslei, Revelado pelas categorias do Bahia, é outro destaque do “mais simpático da Região” A equipe ainda não fechou elenco para a disputa da competição e está no Mercado em busca de reforços. Segundo a diretoria, mais três ou quatro reforços devem chegar.


AD Guarulhos

Equipe das mais regulares da segundona, a ADG caminha para quase 40 anos seguidos jogando a última divisão do estado. Para 2021 o esforços da diretoria estão destinados para a parte estrutural do clube e para a construção de um novo CT e sede no bairro da Vila das Palmeiras onde o time nasceu na cidade de Guarulhos.

Por isso difícil apostar que a AD faça uma boa campanha no campeonato, já que apostará em jogadores jovens e formados nas categorias de base do próprio clube, mas num grupo fácil como é esse grupo 4, talvez o time até belisque uma vaguinha na 2ª fase.


PAULISTA DE JUNDIAÍ

Lanterna da Série A3 de 2020, o Galo de Jundiaí retorna ao quarto nível do Campeonato Paulista e tem como meta para a temporada não apenas o acesso, mas também o título, algo que a equipe conquistou em 2019 no último respiro do clube .

Sob o comando de Ricardo Chuva, o elenco do Paulista treina há mais de dois meses. O grupo é formado por alguns jogadores que já trabalharam com o treinador em outros clubes, entre eles o zagueiro Bressan, campeão pelo Paulista em 2019.


Em pré-temporada, o Galo disputou sete jogos-treino: vitórias sobre União Suzano (3 a 1), Independente de Limeira (1 a 0) e União Mogi (1 a 0), empates com Mauá (0 a 0), Ponte Preta sub-23 (1 a 1) e Rio Branco (0 a 0) e derrota para o Mogi Mirim (1 a 0).