• Futebol em Rede

Órfão de Jesus


O Flamengo viveu uma temporada de glorias ao acertar na contratação de Jorge Jesus ( Foto – Divulgação ). O treinador português, superou as expectativas do mais fervoroso defensor de treinadores estrangeiros no futebol brasileiro. Números implacáveis. Cinco títulos, 81 % de aproveitamento e só quatro derrotas em um ano de trabalho. Ganhou o apelido de Mister, o carinho do torcedor e sua saída do clube deixará um problemão para o clube resolver. Encontrar alguém para ser comparado ao pai que abandonou um filho promissor.


Jorge Jesus não deu certo no Flamengo por causa da sua genialidade tática. Uma série de coincidências colaboraram. O clube, após passar por problemas financeiros, abriu as portas para investimentos. Tinha uma base boa nas mãos de Abel Braga, mas trouxe reforços como Gerson, Rafinha, Felipe Luís e Pablo Mari. Ovos que engrossaram a omelete de Jorge Jesus, cujo maior mérito foi usar os melhores ingredientes disponíveis para realizar seu trabalho. Uma mentalidade nova, ofensiva, e seu poder de liderança num elenco de estrelas deram o tempero para o inesperado sucesso.


O legado de Jorge Jesus será um problema enorme para o clube superar. Sua imagem de pai de um time vencedor e seus resultados incríveis, obrigam a diretoria a acertar na reposição. A ideia de um novo treinador português só vai aumentar a comparação e a cobrança com o escolhido. Estrangeiro ou não, o desafio de ao menos manter a fama de vencedor da equipe, será uma cruz dificílima de carregar. Vai ser uma tarefa complicada e o mercado não anda com boas alternativas.


A dificuldade para a diretoria rubro-negra não é encontrar um nome para ser crucificado no comando do time. A prioridade deve ser encontrar o perfil de um novo pai para o milionário elenco. Alguém que saiba lidar com as estrelas e controle a natural valorização de peças que serão alvo de transferências no mercado. Que tenha uma mentalidade ofensiva, coragem para enfrentar a comparação e que crie empatia com a torcida. O Flamengo ficou órfão de seu maior acerto, Jorge Jesus.